Incomensurável Paixão
EM BREVE

Casa de Cultura Laura Alvim 2022
Curadoria Marcia Mello

Olhares que se tocam e suspiros incontidos, 
o pensamento, impotente, nada compreende. 
Mas não carece, afinal, a hora é do coração.
Dentro do peito, mais para a esquerda, de todos 
os tamanhos, resistente e incansável. É o regente 
da vida e também das emoções.
Ali explode algo, etéreo porque intocável, real porque percebido,
e que dele ninguém escapa – na verdade, dela –, a paixão.
Às vezes temida, outras procurada, pode ser de 
todas as formas e cores, todas as frutas e sabores.
Do órgão escarlate, que bate e bate, filamentos 
ligando e interligando todas as partes do corpo arrebatado,
até os pelos que nos revestem e extravasam nossa materialidade.
São fios invisíveis, cobertos de cobre, a transportar, daqui para lá e de lá para
todo lado, os elétrons que nos tensionam.
Tentaram medi-la, em vão.
Ilimitada, como as estrelas, 
deixaram-na ser-se.
Incomensurável paixão.

Wagner Cinelli